9 de fev de 2009

GUSTAVO DRUMMOND

















ANA: Deus me deu o maior dos tesouros: a amizade e carinho, virtual ou real, de pessoas que tem um valor inestimável em minha vida. E me deu mais: a graça de nascer no dia em que minha mãe fazia aniversário, e completava um ano de casada.
Meu carinho e agradecimento a voce.
QUANDO NASCI
chovia em cores,
chuva amena.
era tarde da noite,
era alvorada
de minha vida.
anjos inquietos
e sorridentes
voavam alvoraçados.
flores cantavam distráidas
um canto campestre.
meu choro era
na cadência e compasso
de um bolero latino.
corria uma enxurrada de versos,
que molhava meu sono,
meus primeiros sonhos,
que vivem até hoje.
raios de amor,
trovões apaixonados
riscavam o céu,
luziam na terra,
na minha alma nova.
sou filho da poesia,
e do bom combate.
houve e havia,
intrínseco a imagem de um vate
medieval,
guardado nos caminhos meus.
um carnaval,
abençoado por Deus!...
[gustavo drummond]

* FELIZ ANIVERSÁRIO GUSTAVO! BEIJOS DA ANINHA.

Nenhum comentário: