18 de out de 2006

SONATA



SONATA

NÃO QUERO NOITES E DIAS
SEMPRE IGUAIS
EM MEU DESTINO RÁPIDO
PASSAGEIRO
QUERO DORMIR FELIZ
NO ACONCHEGO DE TEUS BRAÇOS
PERFUME DE SÂNDALO
CHÁ DE JASMIM
INUNDAR TEUS LÁBIOS
DE BEIJOS MEUS
IMERGIR INTEIRA
EM TEU CÉU PROFUNDO
ASAS
AMORAS
ÁGUAS
TUAS MÃOS MACIAS
FUGIDIAS AVES
QUE EM TI NASCERAM
ROSAS
SOMBRAS
ARVOREDOS
NO AROMA QUENTE
DE SUAVES MELODIAS
MOVIMENTO DE ASTROS
OU LÍRIOS AO VENTO
BRANCAS ASAS
NO MEU NINHO BRANCO

Ana Wagner


5 comentários:

DOROTY disse...

Doroty ))§((:
Aninha querida é lindo
seu poema é mesmo lindo amiga parabéns

EDSON disse...

MEU DEUS!!!!!!! QUE INSPIRAÇÃO HEIN,AMIGA ANINHA! É DEMAIS, ME DEU ATÉ ÁGUA NA BOCA ESSE POEMA, VOCÊ É REALMENTE SURPREENDENTE, BELÍSSIMO POEMA! UM ENORME BEIJO PRA VOCÊ E UMA EXELENTÍSSIMA NOITE DE SONHO E QUE VENHA MUITA INSPIRAÇÃO NESSE SEU LINDO CORAÇÃO POÉTICO!

SIDNEY disse...

Tá vendo só poetisa! Ou será um pássaro cantando poesia e chamando as estrelas do anoitecer. Muito bonito o que vc escreveu Aninha. Parabéns...
Responder

sergio passos disse...

Sergio:
Adorei a transformação.bjs

Tag disse...

Tag:
-



Aninha! Que
cacetada! Quer
casar comigo,
minha Anittinha
Garibaldi?
Beijo.


-