17 de fev de 2008

CLARA STRAPAZZON











 POR UM TRIZ

(Clara Strapazzon)

Vesti roupas novas
Mudei meu estilo
Busquei outros braços.

Disfarcei meu cansaço
Com tintas modernas

Joguei nas cavernas
Esperas sofridas
Validade vencida

Em outros caminhos
Conduzi meus passos

Meus sentimentos
Joguei num chumaço
Quando ia atiçar fogo
Uma voz me chamou

Olhei pelo espelho,
Qual anjo da guarda
Alguém me abraçou!

Um comentário:

Clara disse...

Olá Aninha, minha Querida!

É realmente um sonho andar por esse campo, onde semeaste com tanto carinho e assim agora podemos desfrutar, com imenso prazer, os saborosos frutos. Está tudo muito lindo aqui... Parabéns, amiga!!!
Agradeço de coração seu carinho e por estar sempre comigo.
Um beijo de luz no seu coração
Clara