30 de out de 2007

SILÊNCIO


Silêncio

Cala!
não fala agora
ouve o silêncio
numa atitude de entrega
dá vazão aos teus sentidos
tudo emudece...
Placidamente, o tule multicor
do crepúsculo leve
feito pó de cristal.
escorre sobre si mesmo
A tarde agoniza
dilui-se à luz dourada
sonhando estrelas
nos braços da paz
o silêncio se oferta
o brilho no olhar
partículas da nossa essência.

Ana Wagner

21 comentários:

marta peres disse...

♥ Marta Peres:
Ana minha poeta amiga, este seu silêncio é magnífico!
Parabéns!

benvinda disse...

Benvinda:
ANinha!!!

Este teu silêncio é divino!!!!

roberta disse...

***Roberta***:

Nossa, Aninha, q poema mais liiiiiiiiiiiiiiindooooooooo!!!
Amei!
Um ótimo dia a vc e sua família!
Beijos...

tadeu paulo disse...

Tadeu Paulo:
Aninha, o teu S I L Ê N C I O fala muito alto, na mesma algura de tua competência, sensibilidade e lirismo..
Beijos..

marko disse...

MARKO:
Vôos

Sairei voando por ai,
Poeta louco,comandante torto,
Ignorando os planos de vôo
E cartas aeronáuticas.
Imaginado aeroportos
No terno de cada canção


MARKO ANDRADE

BEIJÃO ANINHA

mauro veras disse...

Mauro:
Oi, Aninha!

Você é sempre tão gentil, obrigado! Gosto de seus poemas, mas nem sempre tenho tempo de avaliá-los como eles merecem. Uma coisa, entretanto, não preciso avaliar: o carinho que tenho por você! Uma amiga sempre presente!

Um beijinho carinhoso, e obrigado pelo presença constante!

meyre disse...

Meyre Carvalho:
lindo, lindo
seu silêncio

abraços fraternos

lenise disse...

Lenise:
Belíssimo poema Aninha!
Parabéns poetisa!
Beijosss!

américo disse...

AMÉRICO:
Lindissimo, te adoro magistral poetisa !!

carlos gurgel disse...

rola, licor, estrada tão vasta
Uma montanha, precipício, milhares de ilhas e de todos os teus ciúmes.

Carlos Gurgel

oswaldo antônio disse...

Oswaldo Antônio:
Bom dia Aninha..
Que beleza esse poema teu, Silêncio..
Adoro silêncio..Adoro falar pouco..
Fiz um acróstico pra Silêncio....vou lhe mandar..
bjos.w

Carmem disse...

Carmen:
Que poema lindo Aninha! Que delicadeza e quanta sensibilidade!
Foi o mais lindo Silêncio que me ofertaram!
Beijos com poesia

SIDNEY disse...

Sidney...<.>/<.>:
Linda poesia Aninha, é como o entardecer. Parabéns poetinha.

ENISE disse...

Enise:
Oi Ana
O poema Silêncio é um primor...
uma linda noite a vc
beijinhos
E.

dryka disse...

♥ Dryka♥:

Há quem diga
que todas as noites são de sonhos.
Mas há também quem diga nem todas
Só as de verão.
Mas no fundo
isso não tem muita importância.
O que interessa mesmo
não são as noites em si
São os sonhos.
Sonhos que o homem sonha sempre.
Em todos os lugares
Em todas as épocas do ano
dormindo ou acordado.
Bons sonhos!!!!!
Q seu sabado seja perfumado.
bjinhossssss

Aninha cada dia vc me encanta mais...
Parabens!!!!

Fabrício disse...

Seu silêncio é particular, não como um véu frente a clima tempestuoso.

Passando para prestigiar Aninha,

Forte abraço

arnaldo disse...

ARNALDO (rEAL Th:
ana lindos versos,só vc mesmo
a q saudades menina!!!!!!!!!!!!
Responder

Anônimo disse...

silêncio...
deixo-te um abraço e até...
sté.

anderson fabiano disse...

ana, que coisa boa de ler. que fluidez de idéias e letras mágicas, profanas, sacras, confidentes... meu carinho anderson fabiano
Enviado por anderson fabiano em 05/11/2007 11:04
para o texto: SILÊNCIO (T716151)

edgar disse...

Linda mesmo, muito linda cada mais, beijos
Enviado por Edgar Alejandro Quezada Zavala em 30/10/2007 12:02
para o texto: SILÊNCIO

marco rodrigues disse...

Mais um de grande beleza!!! Parabéns!!!
Enviado por Marco Rodrigues em 13/11/2007 16:17
para o texto: SILÊNCIO (T716151)